Saltar para:
Logótipo
This page in english Ajuda Autenticar-se
Acesso correio eletrónico FLUP
Você está em: Início > FLUP0696
Autenticação






Mapa das Instalações
FLUP Palacete Burmester JCC

Formação do Mundo Contemporâneo

Código: FLUP0696     Sigla: FMC-JC

Ocorrência: 2005/2006 - 2S

Ativa? Sim
Unidade Responsável: Departamento de Jornalismo e Ciências da Comunicação

Ciclos de Estudo/Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos UCN Créditos ECTS Horas de Contacto Horas Totais
JCC 7 Plano Oficial - LJCC 1 - 7,5 -

Docência - Horas

Teórica: 4,00
Tipo Docente Turmas Horas
Teórica Totais 1 4,00
Milan Rados Radenovic 4,00

Objetivos

As notícias sobre acontecimentos no mundo ocupam um dos lugares mais destacados na informação de todos os órgão de comunicação social. Por isso é necessário saber dados importantes sobre os processos políticos e económicos dos nossos dias. A disciplina de "Formação do Mundo Contemporâneo" indica e explica os acontecimentos políticos mais importantes dos últimos dois séculos, tais como as guerras e os conflitos decorridos, mas também apresenta uma análise das tendências no âmbito da economia, cultura, etc. É dada importância especial à apresentação e explicação dos processos actuais decorrentes da "Queda do Muro de Berlim", abrindo-se a partir daí novos processos de globalização política, social e económica.
No final da frequência da disciplina de "Formação do Mundo Contemporâneo", os alunos, para melhor poderem relatar as notícias sobre os acontecimentos do mundo actual, devem conhecer os acontecimentos centrais, desde a Revolução Francesa até hoje, bem como a sua importância para a actual situação mundial. Devem também compreender a actual situação da civilização global; entender a dimensão da transformação decorrida nos "Países de Leste", bem como explicitar os novos tipos de relacionamento entre Estados e povos no mundo.

Programa

I - INTRODUÇÃO
1.1. Natureza, objecto e metodologia das disciplinas
1.1.1. História
1.1.2. Relações Internacionais (História do Presente)
II - NOÇÃO DE MUNDO CONTEMPORÂNEO
2.1. Revolução Francesa e as "Guerras Napoleónicas"
2.2. Conferência de Viena e a "Santa Aliança"
2.3. Revolução Industrial e a "Primavera dos Povos"
2.4. Liberalismo
2.5. Nacionalismo
III - PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL
3.1. Causas da guerra
3.1.1.Preponderância global da Europa
3.1.2. Hegemonia do Império Britânico
3.1.3. Desafio do "Segundo Reich"
3.2. Quatro anos de guerra
3.3. Conferência de Versalhes
3.4. Sociedade das Nações

IV - SEGUNDA GUERRA MUNDIAL
4.1. Causas de guerra
4.1.1. Grande crise económica (1929)
4.1.2. Socialismo
4.1.3. Fascismo
4.2. Seis anos da Segunda Guerra Mundial
4.3. Conferências dos aliados
4.4. Organização das Nações Unidas
V - O MUNDO DURANTE A GUERRA FRIA
5.1. Noção de Guerra Fria
5.2. Inicio da Guerra Fria ("Golpe de Praga")
5.3. Divisão em blocos ideológicos, económicos e militares
5.4. "Revoltas" no bloco soviético (Jugoslávia, Polónia, Hungria, Checoslováquia) e no bloco ocidental (França, RFA)
5.5. Guerra do Vietname
VI - TRANSIÇÃO PARA A DEMOCRACIA
6.1. Raízes da transição: três personalidades, três políticas (João Paulo II, Ronald
Reagan, Mikhail Gorbatchov)
6.2. "Queda do Muro de Berlim"
6.3. Transição nos países de Leste
6.4. Guerra do Golfo
6.4.1. Conflito israelo-árabe
6.4.2. Guerra Iraque - Irão
6.4.3. Ocupação do Kuwait
6.4.4. Primeira Guerra do Golfo
6.4.5. Segunda Guerra do Golfo
6.5. Conflito na Jugoslávia
VII - HISTÓRIA DO PRESENTE
7.1. Elementos de análise do mundo actual
7.1.1. Geopolítica
7.1.2. Geoestratégia
7.1.3. Segurança
7.1.4. Economia
7.2. Grandes Estados (hegemonia global dos EUA)
7.3. Organizações Internacionais
7.4. Mundialização

Bibliografia Principal

ÁLVARES, Pedro, O GATT, Publicações Europa - América, Lisboa, 1994.
BONIFACE, Pascal, DICIONÁRIO DAS RELAÇÕES INTERNACIONAIS, Plátano Edições Técnicas, Lisboa, 2001.
CARPENTIER, Jean e LEBRUN, François, HISTÓRIA DA EUROPA, Referencia, Editorial, Lisboa, 1993.
CARVALHO, Virgílio de, CUMPRIR AGORA PORTUGAL, Difel, Lisboa, 1987.
CHURCHILL, Winston, MEMÓRIAS, Editora Nova Fronteira, Rio de Janeiro, 1995.
HUNTINGTON, Samuel P., O CHOQUE DAS CIVILIZAÇÕES, Gradiva, Lisboa, 1999.
HUNTZINGER, Jacques, INTRODUÇÃO À RELAÇÕES INTERNACIONAIS. Lisboa: RE Edições, 1991.
KAGAN, Robert, O PARAÍSO E O PODER (A AMÉRICA E A EUROPA NA NOVA ORDEM MUNDIAL), Gradiva, Lisboa, 2003.
KISISNGER, Henry, DIPLOMACIA, Gradiva, Lisboa, 1996.
MOREIRA, Adriano, TEORIA DAS RELAÇÕES INTERNACIONAIS, Almedina, Coimbra, 1996.
RADOS, Milan, QUEM MATOU A JUGOSLÁVIA? Campo das Letras, Porto, 1999.
RADOS, Milan, A POLÍTICA EXTERNA DA UNIÃO EUROPEIA, O Espírito das Leis Editora, Lisboa, 2003.
TAMAMES, Ramon, ESTRUCTURA ECONÓMICA INTERNACIONAL, Alianza Editorial, Madrid, 1978

Métodos de ensino e atividades de aprendizagem

Os métodos e técnicas a serem seguidos no âmbito desta disciplina irão privilegiar aqueles que são comuns nas ciências sociais, especialmente, o método expositivo. A técnica de discurso utilizará meios audiovisuais projectáveis e não projectáveis, nomeadamente, o uso de quadros, projector de diapositivos e de acetatos, mapas temáticos. etc.

Software

Não se aplica.

Tipo de avaliação

Avaliação por exame final

Obtenção de frequência

Não tem obrigatoriedade de frequência.

Fórmula de cálculo da classificação final

100% exame final.

Provas e trabalhos especiais

Não se aplica.

Avaliação especial (TE, DA, ...)

De acordo com as normas da Faculdade de Letras.

Melhoria de classificação

De acordo com as normas da Faculdade de Letras.

Observações

Língua de ensino - Português.
Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2014 © Faculdade de Letras da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Página gerada em: 2014-09-02 às 22:16:56