Saltar para:
Logótipo
This page in english A Ajuda Contextual não se encontra disponível Autenticar-se
Fraunhofer
Você está em: Início > Portal do Candidato > Possibilidades de Financiamento
Autenticação






Mapa das Instalações
Edifício A (Administração) Edifício B (Aulas) - Bloco I Edifício B (Aulas) - Bloco II Edifício B (Aulas) - Bloco III Edifício B (Aulas) - Bloco IV Edifício C (Biblioteca) Edifício D (CICA) Edifício E (Química) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício F (Minas e Metalurgia) Edifício G (Civil) Edifício H (Civil) Edifício I (Electrotecnia) Edifício J (Electrotecnia) Edifício K (Pavilhão FCNAUP) Edifício L (Mecânica) Edifício M (Mecânica) Edifício N (Garagem) Edifício O (Cafetaria) Edifício P (Cantina) Edifício Q (Central de Gases) Edifício R (Laboratório de Engenharia do Ambiente) Edifício S (INESC) Edifício T (Torre do INEGI) Edifício U (Nave do INEGI) Edifício X (Associação de Estudantes)

Candidatos

Possibilidades de Financiamento


Bolsas de Estudo

A atribuição de bolsas de estudo pelo governo português é feita de acordo com o Regulamento de Atribuição de Bolsas de Estudo aos Estudantes do Ensino Superior e é da responsabilidade dos SASUP - Serviços de Ação Social da Universidade do Porto. A atual lei reconhece que têm direito a usufruir da Ação Social Escolar apenas os cidadãos nacionais, dos estados-membros da União Europeia, apátridos e oriundos de países com os quais há protocolos de cooperação.

No momento da inscrição, o estudante indica se vai ou não concorrer a bolsa - assinala no módulo de inscrição ou entrega Declaração de Compromisso de Honra.

Quando saírem os resultados das candidaturas a bolsa (listagem disponibilizada na internet no site do Serviços de Ação Social da Universidade do Porto) :

  • Os estudantes cujo pedido de bolsa seja indeferido deverão efetuar o pagamento das prestações em falta no prazo de 30 dias úteis consecutivos à publicitação do despacho de indeferimento;
  • Os estudantes bolseiros procederão ao pagamento das prestações em falta no prazo de 30 dias úteis consecutivos à regularização do pagamento da bolsa de estudos.

Para obter informações sobre outras bolsas consulte os seguintes websites:

Bolsas de Mérito

Estas bolsas são atribuídas pelas instituições de ensino superior aos estudantes com aproveitamento excecional, independentemente dos seus rendimentos, de acordo com a legislação em vigor. O valor da bolsa é de 5 vezes o salário mínimo.

Prémio de Incentivo

Este prémio é atribuído pela Universidade do Porto, de acordo com a legislação em vigor e o Regulamento da UP. O valor do prémio é o equivalente ao da propina.

Bolsas I&D

As bolsas de investigação (BI) destinam-se a licenciados, mestres ou doutores, para obtenção de formação científica em projetos de investigação ou em instituições científicas e tecnológicas no País.

A duração da bolsa é, em regra, anual, prorrogável até ao máximo de três anos, não podendo ser concedida por períodos inferiores a três meses consecutivos.

Aqui poderá consultar os concursos abertos para bolsas de investigação e bolsas de iniciação científica.

Crédito Bancário para estudantes

Existe em Portugal um sistema específico de Empréstimos a Estudantes e Bolseiros do Ensino Superior que permite a obtenção de melhores condições, de financiamento junto de instituições bancárias, de acordo com a legislação aplicável. Beneficiando da taxa de juro mínima, estes empréstimos têm um spread máximo de 1%, que será reduzido para os estudantes com melhor aproveitamento escolar.

Este sistema acresce aos mecanismos de Ação Social Escolar e é fortemente marcado pelo princípio da universalidade. Permite também, em parceria com o Banco Santander, o apoio específico a alunos abrangidos por programas de mobilidade internacional, nomeadamente para estadias no estrangeiro no âmbito do Programa ERASMUS e outros programas de intercâmbio internacional de estudantes.

Consulte os Protocolos de Adesão ao Sistema de Empréstimos.

Saiba mais aqui.

Estágios Remunerados para estudantes dos PALOP

Através do Projeto FEUPSocial, o G.A.S.Porto, em parceria com a FEUP e demais empresas parceiras, proporcionam a oportunidade de estudantes FEUP, sobretudo dos PALOP e Timor, realizarem um estágio de verão, recebendo em troca uma bolsa que cobre o valor da propina de um ano dos seus estudos. Estes estágios podem envolver diferentes áreas profissionais, não estando limitados à Engenharia.

Trabalhar e estudar

Os estudantes que trabalhem para financiar os seus estudos poderão ser elegíveis à obtenção do estatuto de trabalhador estudante. Este estatuto confere um conjunto de benefícios que permitem a conciliação entre as duas atividades. Para mais informações, consulte esta página.

    Trabalho esporádico

    O trabalho não permanente pode ser também uma forma de os estudantes conseguirem obter algum financiamento para as suas despesas. Os fins de semana e as férias são períodos em que muitos estudantes aproveitam para se dedicarem a uma atividade remunerada.

    Dentro da FEUP, existe ainda a possibilidade de se candidatarem à equipa de técnicos e hospedeiros, gerida pelo Centro de Eventos, e que presta apoio nas centenas de eventos que têm lugar na FEUP ao longo do ano letivo.

Recomendar Página Voltar ao Topo
Copyright 1996-2014 © Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto  I Termos e Condições  I Acessibilidade  I Índice A-Z  I Livro de Visitas
Última actualização: 2013-10-08 I  Página gerada em: 2014-07-24 às 23:58:22